Optomap é uma tecnologia multimodal que oferece múltiplos recursos para triagem, diagnósticos, monitoramento e gestão de patologias associadas à retina. Fique mais atento à sua visão com OPTOMAP®
Proteja sua visão.

Oferecemos a mais avançada tecnologia para os nossos pacientes. Nós recomendamos o optomap®. Imagem digital da retina de campo ultra âmplo como parte de seu exame de vista abrangente nos dias de hoje.

O Sistema de imagem digital da retina de campo ultra âmplo, optomap®, ajuda você e seu oftalmologista a tomar decisões sobre a sua saúde ocular e seu bem estar em geral.

Combinando a experiência de seu oftalmologista e a tecnologia optomap®, realiza-se um exame ocular muito mais detalhado que lhe proporciona uma melhor qualidade de vida.

O que é a retina? A retina é um tecido delicado atrás do olho, similar ao filme em uma câmera fotográfica. A luz atinge a retina através da lente do seu olho e produz uma imagem que então é enviada para o cérebro, permitindo que você enxergue.

Porque é importante uma retina saudável?

Uma retina doente não pode enviar sinais claros para seu cérebro, que pode resultar em deficiência visual ou cegueira. A maioria das condições da retina e outras doenças podem ser tratadas com sucesso desde de que diagnosticada precocemente.

Sem um exame de olho abrangente, você pode não estar ciente de um problema em potencial.

Você pode ver claramente e devido a retina não ter terminações nervosas, você pode não sentir dor nenhuma, um sintoma que pelo contrário o leva a consultar um médico.

Detecção precoce é vital

O que pode acontecer com a retina?

Sua retina é único lugar no corpo onde os vasos sanguíneos podem ser vistos diretamente. Isso significa, que além de doenças oculares, sinais de outras doenças, (por exemplo: acidente vascular cerebral, doenças cardíacas, hipertensão e diabetes) podem ser vistos pela retina.

O diagnóstico precoce é essencial, assim os tratamentos podem ser monitorados.

Retinopatia diabética (RD)

O diabetes afeta os olhos e os rins, e é uma das principais causas da cegueira. Retinopatia ocorre quando o diabetes danifica os minúsculos vasos sanguíneos dentro da retina.

Degeneração macular relacionada com a idade (DMRI)

O centro da retina (a mácula) pode tornar-se doente quando ficamos mais velhos. Isso resulta em alterações para a nossa visão central, fazendo com que atividades diárias como dirigir e ler tornem-se difíceis.

Glaucoma (Aumento da Pressão do Olho)

Glaucoma causa danos para o nervo óptico e quase sempre se desenvolve sem sintomas.

Hipertesão (Pressão alta)

O aumento da pressão pode resultar em alterações para os vasos sanguíneos no olho, aumentando o risco de doenças cardiovasculares (acidente vascular cerebral ou doenças cardíacas).

Como seu médico normalmente examina sua retina?

Examinar a retina é um desafio. Seu oftamologista olha através de sua pupila para examinar o fundo do olho. Os métodos tradicionais de visualização podem ser eficazes, mas difíceis de executar durante uma consulta, pois normalmente são realizados manualmente sem qualquer registro digital.

Como o optomap ajuda?

O sistema de imagem digital da retina de campo ultra âmplo optomap captura mais do que 80% de sua retina em uma imagem panorâmica. Os métodos tipicamente tradicionais revelam somente 10-15% de sua retina ao mesmo tempo.

O optomap de campo ultra âmplo é o único que melhora a capacidade de visão do seu oftalmologista para detectar até mesmo sinais de doenças que aparecem na sua retina precocemente. Ver uma grande parte da retina de uma vez permite seu oftalmologista rever várias vezes suas imagens e orientá-lo a ter uma retina mais saudável.

Várias clínicas ao redor do mundo tem demonstrado estudos benéficos do optomap como uma ferramenta de diagnóstico.

Todos os oftalmologistas tem um sistema de imagem digital da retina de campo ultra âmplo?

Optomap é um padrão de atendimento para avaliar a saúde ocular nas clínicas e hospitais de ponta ao redor de todo o mundo. Milhões de pessoas no mundo inteiro tem se beneficiado com o optomap.

Com que frequência eu deveria fazer um optomap?

Seu médico aconselhará você baseado na suas circunstâncias individuais, mas a recomendação geral é que você faça um optomap toda vez que realizar um exame de vista. Isso ira assegurar que você tenha uma gravação digital da saúde de sua retina em arquivo, o qual pode ser comparado e assim diagnosticar as mudanças ao longo do tempo.

Meus filhos deveriam fazer o optomap também?

Muitos problemas de visão começam em uma idade precoce, então é importante que seus filhos recebam tratamento ocular adequado enquanto eles ainda são lactentes.

É nescessário dilatar a pupila? E machuca?

Um optomap leva apenas segundos para realizar, não é dolorido e tipicamente não requer dilatação. Contudo, seu oftalmologista ainda pode decidir se é necessária a dilatação.

Como foi inventado o optomap?

“Em 1990, meu filho de 5 anos de idade chamado Leif Anderson ficou cego de um dos olhos porque um descolamento da retina foi detectado muito tarde para tratamento. Embora ele fizesse exame de vista regularmente, os testes convencionais eram desconfortáveis, especialmente para uma criança pequena. Eu busquei encontrar um jeito para facilitar o exame de retina.

Leif, agora é um homem jovem, que adaptou-se plenamente e nós somos gratos, e esperamos que ajudem outras famílias evitarem a perda da visão.”

—Douglas Anderson, Fundador da OPTOS e Engenheiro desenvolvedor do optomap.

A cada ano a tecnologia Optomap se destaca tanto internacionalmente como em nosso mercado como
uma excelente ferramenta.
Oferece múltiplos recursos para triagem, diagnóstico, monitoramento e gestão de patologias associadas
à retina, oferecendo uma amplitude que vai além da mudança de registro de 45 graus para 200 graus.
Acreditamos que optomap veio para agregar valores e benefícios para pacientes, médicos e equipe
técnica.
A preocupação com rentabilidade e a eficácia do equipamento é uma questão global e não esta
relacionada somente ao nosso mercado
A partir do momento que optomap é visto como um novo modelo econômico para prática oftalmológica
o mesmo se torna um investimento prioritário.
10 razões para captação de imagens“Ultra Wide Field”

1. Avaliar a progressão da Retinopatia Diabética
2. Revelar a extensão de não perfusão associada com a Reinopatia Diabética
3. Mudanças no curso de Tratamentos
4. Revelar patologias associadas com Uveíte ou Vasculite
5. 66% das patologias ocorrem fora do campo de visão tradicional
6. 68% das alterações periféricas evoluem para Degeneração Macular
7. Avaliação abrangente de anormalidades periféricas
8. Imagens“Ultra Wide Field” Angiografia e Icg em menos de meio segundo
9. Fonte de pesquisa para doenças sistêmicas, como alterações retinianas em doenças
cardiovasculares, particularmente insuficiência cardíaca.
10. Aumento potencial clínico de tratamento precoce em retinopatia diabética.
Estudos relatam que a terapia anti-VEGF associada à Panfotocoagulação direcionadas para áreas
de não perfusão, melhoram a qualidade da funcionalidade de seus pacientes adiando a progressão
para doença proliferativa.

Faça seu orçamento 

Entre em contato com a equipe e faça sua solicitação através do e-mail  vendas@eyehome.com.br ou pelo  Whatssap

Desenvolvido pela  Code Solution com todos os direitos autorais reservados a Eyehome